- a Dra. Maria Helena conta como foi atender a um parto em companhia de uma doula


Este fim de semana pude estar presente, acompanhando um parto que durou 18 horas, numa experiência bem gratificante. O trabalho de parto deste jovem casal, primeira filha, começou na casa deles no sábado à noite.

Preparamos uma bela macarronada para o jantar na intenção de reforçar bem o estomago e ainda brinquei com o pai que esperava que a macarronada que preparei fosse tão boa quanto a obstetra que eles escolheram para o parto... Enfim... acho que obtive aprovação em ambos!

Pela primeira vez pude acompanhar o parto com uma doula ao lado e foi incrível a experiência. A doula, uma querida amiga e também cliente, utilizou de sua experiência intuitiva para estar ao lado da parturiente. Ela tambem é mãe, recente e de primeira viagem, e empregou o aprendizado que obteve em curso preparatório para o parto praticado com a Fadynha, aqui no Rio de Janeiro, durante sua gestação.

O sentimento de mãe que vem sendo despertado desde o nascimento de sua filha Luana serviu para que ela pudesse auxiliar com muito carinho todo o processo do parto, uma vez que ela tem referências de quais as necessidades de uma mulher frente a este maravilhoso rito de passagem.

Durante o trabalho de parto em casa e na maternidade, ela estimulou a parturiente com exercícios de relaxamento e alongamento, praticou massagens e teve uma palavra sempre amiga que motivou tanto a mim quanto a parturiente.

Nos intervalos ela amamentava Luana de 3 meses que esperava tranqüila o nascimento de Sofia... Eu fiquei emocionada com esta experiência que serviu para reforçar cada vez mais o propósito desta caminhada rumo ao parto mais digno e respeitoso.

Quero agradecer a todas vocês que vem me inspirando nesta busca por uma atenção mais humana e menos tecnocrática de partejar.

Depois mando fotos de Sofia, a linda menininha que nasceu com 3.055g.

Maria Helena
Rio de Janeiro, maio de 2002.

Dra. Maria Helena Bastos é ginecologista,
obstetra e homeopata, autora do livro
"Sorria, você está na menopausa"

Fonte: